sábado, 22 de julho de 2017

Garanhuns perde o carisma de Iran Pessoa

Garanhuns perde o carisma de Iran Pessoa


Garanhuns perdeu no início da noite desta sexta-feira (21), o radialista Iran Alves Pessoa. Ele faleceu por volta das 19h no Hospital Regional Dom Moura. Iran tinha 84 anos de idade e deixou filhos, netos e bisnetos.

Com bordões como “gente fina de primeiríssima qualidade” e o “o relógio tem corda, mas não amarra o tempo”, Iran Pessoa trabalhou em várias emissoras de Pernambuco e de Alagoas, além de atuar com destaque na locução de diversas Vaquejadas por todo o Nordeste. Com passagens pelas principais rádios de Garanhuns, Iran (na imagem ao lado com o também radialista Eduardo Peixoto), aos 84 anos, ainda trabalhava na Rádio FM Sete Colinas, apresentando o programa ‘Forrozão da 7’, que vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 5 às 6h30min.

No último mês de abril, Iran Pessoa foi um dos homenageados com o Troféu Viva Dominguinhos. A comenda foi entregue pelo Prefeito Izaías Régis e emocionou o experiente Locutor, que neste ano completaria 40 anos de profissão. O corpo de Iran Pessoa será velado na Funerária Suissa, localizada na Avenida Simoa Gomes, em Heliópolis. O Sepultamento acontece nesse sábado, dia 22, às 16h, no Cemitério São Miguel.

Com informações do blog do Carlos Eugênio

sexta-feira, 21 de julho de 2017

PARANATAMA - Cobrado pela oposição, Valmir do Leite esclarece história sobre fechamento de escolas

PARANATAMA - Cobrado pela oposição, Valmir do Leite esclarece história sobre fechamento de escolas


Indagado pela oposição, o prefeito de Paranatama, Valmir do Leite (PSB), divulgou nota através da página oficial da prefeitura no Facebook e também através dos blogs institucionais do poder executivo, esclarecendo a história divulgada pela oposição de que o gestor teria fechado aproximadamente 11 escolas na zona daquele município.

Na nota o prefeito esclarece que foram apenas quatro escolas e não 11 como divulgado pela oposição, cobra uma política limpa e transparente dos seus opositores e manda os mesmos informarem-se mais sobre determinados assuntos e buscarem melhores assessorias.

CONFIRA A NOTA

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O Prefeito Valmir do Leite, no uso das suas atribuições, vem através deste veículo de comunicação, esclarecer alguns questionamentos, sem fundamento, feitos pelo presidente de um dos partidos de oposição no Município, o qual aparenta não conhecer a legislação e nem a realidade do município, através de um blog da região no último dia 18/07, relacionados ao fechamento de algumas escolas no Município.

I - O número de escolas fechadas foi de 04 (Quatro) escolas, e não onze como foi mencionado.
•         Escola Francisco Damião – St. Mocós
•         Escola Luiz Alexandre – St. Estreito
•         Escola Maria Gomes – St. Pedra do Navio
•         Escola José Ferreira Viana – St. Campo do Jequiri

II - As comunidades onde as escolas foram fechadas foram informadas e esclarecidas quanto ao real motivo do ato, através de reuniões com pais, alunos e com o Conselho Municipal de Educação, que é formado por membros de diversos segmentos da sociedade municipal, além da Câmara de Vereadores, o que invalida o uso parágrafo único do Art. 28 da Lei de Diretrizes Básicas da Educação Nacional como justificativa de ilicitude da ação.

III -  As escolas foram fechadas por que o número de alunos que nelas se matricularam neste ano letivo, ficou muito abaixo do número mínimo exigido pelo MEC.

IV - O fechamento das Escolas foi feito de acordo com o item 5.2.2 da "Organização Escolar; As turmas" elaborado pelo Conselho Nacional de Educação, com aprovação do MEC, o qual diz e na Lei do Piso Salarial “As turmas deverão ter no mínimo 25 alunos”.

V - Quantos às reformas, o governo anterior sempre tratou de fazer, anualmente a manutenção de todas as escolas do município.

VI - O ato do fechamento das escolas configura o Exercício Regular do Direito e o Estrito Cumprimento do Dever Legal, pois há uma lei ou norma que o acoberta.

VII - Não existe evasão e sim migração, a população rural do município tem se concentrado, nos últimos anos, em torno dos povoados e da cidade, tanto pela seca, quanto pela instalação das usinas eólicas. Outro fator que contribui para a migração é o baixo índice de natalidade.

VIII - A construção de Escolas novas, modernas, planejadas e estruturadas, com capacidade de acolher o alunato municipal com conforto e qualidade é de extrema necessidade para o Município. As

Escolas que serão construídas atenderão toda a demanda rural, além de dar reais condições ao Município de cumprir a meta 6 do PME (Plano Municipal de Educação) a qual obriga os municípios a ofertar ensino integral.

O Prefeito Valmir do Leite, bem como a Secretaria Municipal de educação estão sempre abertos e disponíveis à população para esclarecimentos, eles repudiam as afirmações sem fundamentos e defendem uma política limpa, transparente.

Lamentamos que a pessoa que fez os questionamentos esteja tão mal informada sobre o lugar onde vive e além disso mal assessorado.

José Valmir Pimentel de Góes – Prefeito
Diretoria de Imprensa e Comunicação Social
Paranatama-PE, 19 de Julho de 2017

Na última terça-feira, 18 de julho, o presidente do PSD de Paranatama, Zelandyo Monte Horebe, que também foi candidato a vice-prefeito em 2016, cobrou esclarecimentos por parte do gestor municipal, Valmir do Leite, sobre os motivos que segundo ele (Zelandyo), teria levado a municipalidade a adotar o ato.

A matéria foi reproduzida pelos blogs de Wellington Freitas ( AQUI )Ronaldo César ( AQUI ) e Saloá Destaca ( AQUI ).

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Polêmico projeto previdenciário pode endividar prefeitura de Capoeiras pelos próximos 17 anos

Polêmico projeto previdenciário pode endividar prefeitura de Capoeiras pelos próximos 17 anos


Essa é destaque do blog do Roberto Almeida

A prefeita de Capoeiras, Neide Reino (PSB), enviou à Câmara de Vereadores, em regime de urgência, projeto de lei que autoriza o município a parcelar débitos da contribuição previdenciária. Segundo a gestora a proposta tem o objetivo de manter o equilíbrio financeiro do município.

Os quatro vereadores da oposição veem com desconfiança o projeto, entendendo que com o parcelamento Capoeiras ficará endividada pelos próximos 17 anos, prejudicando o mandato de quatro prefeitos.

Para o presidente do DEM e líder da oposição em Capoeiras, ex-deputado Carlos Batata, a proposta causa surpresa, principalmente porque a atual prefeita no seu primeiro mandato já pediu uma prorrogação dos débitos previdenciários por 60 meses.

Segundo o democrata, a prefeita está com os bens bloqueados por determinação da Justiça por desviar recursos da saúde e da própria previdência, o promotor pediu a sua cassação por abuso de poder econômico na campanha política, mas “parece não se importar nem com o julgamento, nem com a população ou o município”.

“Capoeiras se encontra largado. Não forneceu água como devia na época da seca, não distribuiu sementes, não arou terras, não apoiou as festas e manifestações culturais e a prefeita ainda quer endividar mais o município e na cidade se comenta que ela vai viajar de férias. Se isso proceder é descaso e irresponsabilidade”, criticou Batata.

A dívida que o município vai contrair, caso o projeto seja aprovado pelos vereadores, ficará com os pagamentos vinculado ao FPM, diminuindo as receitas pelas próximas duas décadas.

Servidores do município que não concordam com o projeto de lei estão se mobilizando para lotar a Câmara, hoje à noite, visando pressionar os vereadores para que não aprovem a proposta do Executivo.

Alguns funcionários criticam abertamente a prefeita nas redes sociais, ainda mais que ela recentemente anunciou que iria tirar férias e tudo indica fará uma viagem à Europa. “Contratados sem receber, o município em situação difícil e Neide Reino vai para Portugal”, escreveu Carmen, no Facebook, em tom de crítica às férias da prefeita.

Fernando Bezerra Coelho abre diálogo com a oposição

Fernando Bezerra Coelho abre diálogo com a oposição

Foto: Divulgação

Acompanhado do senador Fernando Bezerra Coelho (PSB), seu pai, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), reuniu-se nesta quarta-feira (19) com o senador Armando Monteiro (PTB) e outros parlamentares da Oposição a pretexto de tratar de emendas parlamentares de interesse do município e da região.
Além dos dois senadores, participaram da reunião o deputado federal Sílvio Costa (Avante-PE) e os estaduais Augusto César e José Humberto Cavalcanti, ambos do PTB. Durante o encontro, o prefeito Miguel Coelho manifestou seu interesse de fortalecer parcerias para Petrolina e buscar apoios junto a parlamentares, independente de posicionamentos políticos.
“Tenho dito que o nosso compromisso é para recuperar nossa cidade, deixando-a no patamar que ela merece. Então, todo apoio, seja através de emenda parlamentar ou de articulação política para a construção de projetos, obras e ações para nossa cidade, será bem-vindo”, disse o prefeito.
Segundo ele, ter o apoio para essa empreitada do senador Armando Monteiro e de deputados do seu grupo político “vai agregar muito ao futuro de Petrolina”. Armando Monteiro disse na reunião que destinará mais de R$ 3 milhões em emendas parlamentares para esporte e turismo no município de Petrolina e elogiou os primeiros meses de trabalho do prefeito Miguel Coelho.
“Temos visto a marca do dinamismo e do comprometimento de Miguel Coelho nesse início de trabalho na prefeitura. Essa visita foi para reforçar esse reconhecimento e oferecer nossa disposição em contribuir para uma cidade tão estratégica para o crescimento do Estado de Pernambuco”, disse o líder petebista.
O grupo “Coelho” está conversando também com o Democratas através do ministro Mendonça Filho e do presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (RJ). A informação é do blog do Inaldo Sampaio.

quarta-feira, 19 de julho de 2017

BLITZ no agreste meridional são questionadas e criticadas por prefeitos e secretários

BLITZ no agreste meridional são questionadas e criticadas por prefeitos e secretários


O alto índice de Blitz que estão sendo realizadas nas cidades do agreste meridional pernambucano, principalmente em Garanhuns e nas cidades circunvizinhas estão causando indignação em gestores e secretários.

Nesta quarta-feira (19) o prefeito de Lajedo, Rossine Blemany (PSB), divulgou para toda a imprensa uma nota de repúdio, onde crítica o excesso de blitezes que estão ocorrendo. Comportamento semelhante teve o secretário municipal de Caetés, Wando Pontes, que também nesta quarta-feira 19, criticou a ação, depois de uma blitz realizada em Caetés.

Rossine Blesmany


NOTA DE REPÚDIO ÀS OPERAÇÕES DO DETRAN

“Num período de grave crise financeira como a que estamos vivendo no Brasil, depois de tantos anos sofrendo com a seca e o desemprego, é MUITO TRISTE ver pais e mães de família de nossa querida Lajedo terem seu carro ou moto apreendidos pelo DETRAN, pelo fato de não terem conseguido dinheiro para pagar o IPVA. Pelo que tenho escutado, a maioria dos carros e motos apreendidos são de pessoas pobres que só tinham aquele meio de transporte e que muitas vezes esse veículo ou moto era a única fonte de renda para sustentar sua família. O povo sofrido do interior não pode ser tratado dessa forma. Com todo respeito às leis de trânsito que existem no Brasil, eu acho que o governo só deveria usar seus agentes para prender veículos de pessoas pobres depois que tivesse prendido todos os carros e motos dos assaltantes, traficantes, estupradores e desordeiros, e também depois que tivesse recuperado todos os milhares de veículos que constantemente são roubados dos cidadãos de bem. Falo aqui também em nome de funcionários ou agregados da prefeitura que tenham sido vítimas da incompreensão dos agentes do DETRAN. Como um político que sempre esteve do lado do povo, venho registrar meu repúdio à essas operações do DETRAN e fazer um apelo ao nosso Governador para que não tome do povo pobre de nossa cidade o único patrimônio, meio de transporte ou meio de vida que eles têm”.

Wando Pontes

“Eu sei que as pessoas devem andar com tudo legalizado, mas não é possível numa região dessas, que sofreu sete anos com a seca, fazer um trabalho puramente repressivo, sem uma orientação anterior e sem flexibilizar de maneira nenhuma. O próprio Supremo Tribunal Federal decidiu que não se pode apreender veículo por atraso no pagamento do documento. Acho que o governo devia repensar o modo como está agindo"

Por determinação de Moro, BC bloqueia R$ 606 mil das contas de Lula

Por determinação de Moro, BC bloqueia R$ 606 mil das contas de Lula

Lula teve R$ 606.727,12 bloqueados de contas bancárias (Foto: Andre Penner/AP)

Depois da determinação do juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato na primeira instância, o Banco Central (BC) bloqueou R$ 606.727,12 de contas bancárias do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Além disso, houve sequestro e arresto de dois carros, três apartamentos e um terreno, em São Bernardo do Campo (SP). O sequestro e o arresto são medidas cautelares que evitam que o réu se desfaça de bens ou valores que podem ser entregues à Justiça após decisão definitiva. No momento, o ex-presidente pode usufruir dos bens. Quantos aos carros, ele não pode vender ou repassar a outras pessoas.

Lula foi condenado a 9 anos e seis meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no processo da Lava Jato envolvendo um triplex em Guarujá. A força-tarefa da Lava Jato acusou o ex-presidente de receber o apartamento da construtora OAS como propina por contratos na Petrobras. O ex-presidente nega.

O aviso do BC a Moro sobre o bloqueio foi feito na tarde de terça-feira (18). O processo tramitava em segredo de Justiça. A medida, de acordo com o juiz federal, pretende garantir “a reparação dos danos decorrentes do crime”.

Segundo Moro, ficou reconhecido que contrato entre o Consórcio Conest/Rnest gerou cerca de R$ 16 milhões em vantagem indevida a agentes do PT. Ainda conforme o juiz, dessa quantia, R$ 2.252.472 foram para o ex-presidente por meio do apartamento triplex.

Dos R$ 16 milhões, o juiz descontou o valor do triplex, dos três apartamentos, do terreno e dos dois carros e determinou que a diferença fosse bloqueada de contas bancárias até o limite de R$ 10 milhões. Reportagem completa em: g1.globo.com

Exposição “Belezas de Garanhuns” de Wando Pontes e Socorrinho Gueiros vira poema

Exposição “Belezas de Garanhuns” de Wando Pontes e Socorrinho Gueiros vira poema


A exposição “Belezas de Garanhuns”, feita pelos artistas plásticos Wando Pontes e Socorrinho Gueiros, realizada na última quinta-feira (13), na Galeria Kadichari, em Garanhuns, foi considerada um sucesso, com o comparecimento de um grande número de pessoas para apreciar as telas pintadas pelos dois pintores.

Todos os trabalhos apresentados ressaltam a beleza da cidade, única na região localizada entre sete colinas e com um clima incomum na maioria dos municípios do Nordeste. Além disso, Garanhuns tem pontos turísticos que chamam a atenção, como o relógio das flores, o seminário de São José, o Cristo do Magano, o Pau Pombo, a Catedral de Santo Antônio, o prédio da prefeitura, de arquitetura singular, o castelo de João Capão e muitos outros locais que encantam moradores da cidade e visitantes.

Wando e Socorrinho, com sua arte, eternizam algumas dessas belezas. Depois de ver a exposição, o contador garanhuense Natanael Vasconcelos fez um poema para registrar o que foi a exposição.

Texto da postagem: Roberto Almeida

terça-feira, 18 de julho de 2017

PARANATAMA – Zelandyo questiona o fechamento de escolas rurais pela atual administração

PARANATAMA – Zelandyo questiona o fechamento de escolas rurais pela atual administração



Em material enviado a imprensa do agreste meridional, o empresário e empreendedor do município de Paranatama, Zelandyo Monte Horebe, questiona a atual administração paranatamense, pelo fechamento de, segundo ele, aproximadamente 11 escolas localizadas na zona rural do município. Segundo a publicação as escolas fechadas no início do ano, não recebeu o aval da comunidade, na verdade as comunidades sequer foram consultadas.

Na nota também é questionado o fato de no ano de 2016, quase todas as escolas ora fechadas, passaram por reformas por parte do governo do ex-prefeito Zé Teixeira. Zelandyo cita a lei federal que regulamenta os procedimentos no caso de fechamento de escolas rurais e ao final cobra esclarecimentos por parte do gestor. Confira a nota na íntegra.

Existe uma lei que estabelece que a comunidade escolar, pais, professores, alunos e demais pessoas que estejam envolvidas com a escola, devem ser ouvidas pela Secretaria de Educação antes do encerramento das atividades da escola, e a mesma deverá por sua vez, justificar a necessidade de fechar a escola naquela comunidade.

Porém o que a população de Paranatama vivenciou no início do ano letivo foi bem diferente do que nos diz a lei. O que a população viu foi o fechamento de mais de 10 escolas da zona rural, causando transtorno a população, sem o mínimo de aviso prévio, muito menos foi convocada uma audiência pública para a discussão do assunto.

Porém, o que anda intrigando a população paranatamense é que no final da gestão passada (prefeito Jose Teixeira Neto) foram reformadas a grande maioria das escolas municipais, entre elas a maior parte na zona rural, reformas incluindo pinturas, muros, reforma de telhado, forros das salas de aulas, equipamentos, móveis, eletrodomésticos para equipar as cozinhas entre outros.

Gastaram-se muito recurso público nessas reformas. Além disso, a Secretaria de Educação do município sempre soube dos difíceis acessos as escolas rurais e mesmo assim todas escolas funcionavam seguindo os números mínimos de frequência e quantidade exigidas pelo MEC.

O que nos deixa duvidando da capacidade de administração do atual Gestor são os seguintes pontos:

1º porque fecha aproximadamente 11 escolas se todas foram reformadas a pouquíssimo tempo?

2º porque fechar tantas escolas de uma só vez, se sua logística de veículos não tem capacidade de transportar tantos alunos assim, colocando em risco tantas crianças e adolescentes?

3º existe um número de evasão desses alunos tão grande a ponto de fechar tantas escolas de uma só vez?

4º porque tanto dinheiro foi investido nessas escolas e no ano seguinte as mesma foram fechadas?

5º porque fechar 11 escolas e projetar a construção de 4 novas escolas na mesma área rural sabendo que essas construções podem durar os 4 anos de mandato?
Na nossa visão o atual gestor deve explicações a população Paranatamense, pois há um desperdício de dinheiro público e um mau planejamento por parte do gestor da cidade.

ZELANDYO MONTE HOREBE

Lei que dificulta o fechamento de determinadas escolas:

Brasília - DF, sexta-feira, 28 de março de 2014

Art. 28. ..................................

Parágrafo único. O fechamento de escolas do campo, indígenas e quilombolas será precedido de manifestação do órgão normativo do respectivo sistema de ensino, que considerará a justificativa apresentada pela Secretaria de Educação, a análise do diagnóstico do impacto da ação e a manifestação da comunidade escolar." (NR)

Art. 2o Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, 27 de março de 2014; 193o da Independência e 126o da República

DILMA ROUSSEFF

José Eduardo Cardozo
José Henrique Paim Fernandes
Sergio  Braune Solon de Pontes
Miguel Rossetto”.

Zelandyo é um dos mais bem sucedidos empresários do município de Paranatama e no ano de 2016 foi candidato a vice nas eleições da cidade. O blog do Wellington Freitas está a disposição da prefeitura de Paranatama.

segunda-feira, 17 de julho de 2017

TJPE lança edital de concurso com 109 vagas

TJPE lança edital de concurso com 109 vagas

Palácio com o texto Edital TJPE

O edital do concurso do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) já pode ser visualizado na edição nº 126/2017 do Diário de Justiça Eletrônico AQUI - Pág. 24) , disponível no site do Tribunal. 

Serão oferecidas 109 vagas no Certame, sendo 60 para nível médio e 49 para nível superior. Os salários iniciais variam de R$ 4.222,45 a R$ 5.502,12. As inscrições serão de 24 de julho a 24 de agosto e os candidatos terão que pagar uma taxa de R$ 55, para os cargos de nível médio, e R$ 63, para as funções que exigem curso superior.

A isenção do pagamento da taxa poderá ser feita até 26 de julho, através do site da banca organizadora da prova, o IBFC. A prova, com questões discursivas e de múltipla escolha, será realizada no dia 15 de outubro. O Concurso terá validade de dois anos, prorrogável por igual período. Há vagas de nível médio para área de informática, rede de computadores, telecomunicações, entre outras. As oportunidades de nível superior englobam as funções de oficial de justiça, pedagogo e psicólogo, entre outros.Com informações do blog do Carlos Eugênio

UPE prorroga inscrições de seu concurso público até 31 de Julho – São 388 vagas

UPE prorroga inscrições de seu concurso público até 31 de Julho – São 388 vagas


A Universidade de Pernambuco (UPE) divulgou no Diário Oficial do Estado do último sábado, dia 15, a prorrogação das inscrições do Concurso Público que visa preencher 388 vagas. A oportunidade é para profissionais dos níveis médio, técnico e superior. O encerramento do cadastro foi adiado para 31 de julho. A aplicação das provas também mudou de data: passou do dia 27 de agosto para 24 de setembro.

Do total de vagas, 157 são destinadas para o cargo e Analista Técnico de Gestão Universitária; 222 para Assistente Técnico de Gestão Universitária e 9 voltadas aos Médicos. As inscrições devem ser realizadas no site da UPENET, banca organizadora do certame. As taxas de participação custam R$ 70 (assistentes) e R$ 100 (analistas e médicos).

A remuneração varia de acordo com o cargo, sendo R$ 1.157,98 (Assistente Técnico) para trabalhar durante 24 horas por semana, R$ 2.605,45 (Analista Técnico) com carga horária de 30 horas semanais e R$ 4.599,02 (Médico). A oportunidade oferecida é para atuar nas unidades de educação, saúde e Complexo Hospitalar da Universidade.

A avaliação será composta de prova escrita objetiva para o cargo de Assistente e Gestão Universitária. Já os interessados em concorrer aos cargos de médico e analista de gestão universitária, haverá duas etapas: teste de conhecimentos e habilidades, de caráter eliminatório e classificatório; além de prova de títulos, de caráter classificatório. A divulgação do gabarito oficial está prevista para o dia 20 de outubro de 2017.

LOCAIS DE APLICAÇÃO DAS PROVAS - A prova escrita objetiva será realizada em Recife e nos municípios de Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; Serra Talhada; Salgueiro e Petrolina. O resultado final, segundo o Edital, está previsto para o dia 14 de novembro de 2017.

PP insatisfeito com governo Paulo Câmara cogita vaga ao senado em 2018

PP insatisfeito com governo Paulo Câmara cogita vaga ao senado em 2018


Dono da segunda maior bancada na ALEPE, seis no total e com os deputados federal e estadual mais votados nas eleições de 2014, conseguiu o feito de também ter os vereadores mais votados em 2016 em Recife e Jaboatão, o PP do deputado federal Eduardo da Fonte, anda bastante insatisfeito com o espaço no atual governo Paulo Câmara (PSB).

De acordo com a coluna “Pinga-fogo” do Jornal do Commércio da última sexta-feira (14), o PP de Pernambuco está insatisfeito. A sigla é a segunda bancada da Assembleia. O deputado federal Eduardo da Fonte, à frente do PP-PE, liderou a votação estadual em 2014 para a Câmara, com 283 mil votos, e o Pastor Cleiton Collins liderou a votação para a Assembleia, com 216 mil votos. Em 2016, a sigla teve os mais votados vereadores do Recife, Michele Collins, e Jaboatão, Sandro de Andrade, o “Toto Junto com o Povo”.

Ao comparar os seis deputados na Assembleia e sua votação aos números de outras legendas, o PP diz estar insatisfeito com o governo Paulo Câmara (PSB), que empossou seu novo secretário de Habitação, Kaio Maniçoba (PMDB), e abriu uma vaga para o suplente Luciano Bivar, que é do Partido Social Liberal (PSL).

O PP hoje comanda o Porto do Recife, o Instituto de Pesos e Medidas e o Lafepe, mas não uma secretaria. A sigla observa gestos de Paulo para o PMDB e legendas como PR e PSD.


Além da bancada de deputados estaduais e federais, o partido também elegeu 04 prefeitos em Pernambuco, nas eleições de 2016 – Calçado, Ibimirim, Tupanatinga e Passira - a sigla cogita independência em 2018 e almeja uma vaga ao senado, seja na base ou na oposição. Paulo Câmara já teria guardado uma vaga de senador para o deputado Jarbas Vasconcelos (PMDB).

sábado, 15 de julho de 2017

Engenharia Química – Saloaense é MESTRA pela Universidade Federal de Santa Catarina

Engenharia Química – Saloaense é MESTRA pela Universidade Federal de Santa Catarina

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, selfie e close-up

Mais um orgulho para à cidade de Saloá! É que a saloaense, Thuany Naiara Silva Laurentino, tornou-se MESTRA em Engenharia Química, pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com sede na capital, Florianópolis. A jovem saloaense já se prepara para voos maiores com a futura conclusão do seu DOUTORADO.

Em contato conosco, Thuany escreveu uma mensagem de agradecimentos e explicou sobre suas expectativas futuras.

O mestrado em engenharia química da UFSC tem como área de atuação o desenvolvimento de processos químicos e biotecnológicos. Eu realizei o mestrado na subárea de "Termodinâmica e Processos de Separação", onde participei de pesquisas relacionadas ao processo de extração com fluido supercrítico. Durante o período de mestrado, busquei extrair óleo essencial de um material lenhoso que apresenta forte potencial inseticida.

Nenhum texto alternativo automático disponível.Eu consegui passar na seletiva de doutorado 2017.1 da UFSC. Assim, eu precisei antecipar a defesa do mestrado para conseguir ficar com a vaga. Ao finalizar estes estudos, eu posso tentar ingressar no mercado de trabalho, tanto no setor acadêmico, quanto no setor industrial. Hoje em dia, o meu maior desejo é o de fazer concursos para poder lecionar e realizar pesquisas em universidade.

Sou muito grata a todos que me ajudaram. Minha família, os meus professores, onde tive uma base excelente em Saloá, e todas as pessoas que me ajudaram direta ou indiretamente para esta conquista”.

Thuany Naira, é filha de “Grelado”, e neta do "Sr Amauri", onde durante vários anos estudou nas principais escolas do município de Saloá. Em nome de toda uma sociedade que se sente honrada e orgulhosa com seus filhos, desejamos muito sucesso e que dentro de pouco tempo possamos também lhe parabenizar pelo DOUTORADO, que pelas minhas informações e lembranças será o primeiro da nossa cidade e essa honra será sua.

sexta-feira, 14 de julho de 2017

TJPE anuncia concurso com 109 vagas

TJPE anuncia concurso com 109 vagas


O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) divulgou, na noite desta quinta-feira (13), o edital do novo concurso público. São 109 vagas, sendo 60 para técnicos de nível médio e 49 para analistas de nível superior, distribuídas em 15 polos de todo o estado. Os salários variam entre R$ 4.222,45 (médio) e R$ 5.502,12 (superior).

5% por cento das vagas serão destinadas a pessoas com deficiência e 20% para negras respeitadas as condições do edital do TJ

As inscrições começam no dia 24 de julho e seguem até 24 de agosto, e custarão R$ 55 para os cargos de nível médio e R$ 63 para superior. A isenção da taxa poderá ser solicitada entre os dias 24 e 27 deste mês. Esses procedimentos devem ser realizados no site www.ibfc.org.br.

Previstas para 15 de outubro, as provas objetiva de múltipla escolha e discursiva para os cargos de técnico judiciário e oficial de justiça serão realizadas em turno distinto às do cargo de analista judiciário. A duração será de quatro horas. Por se tratar de concurso regionalizado, a prova deverá ser realizada no polo onde o candidato estiver concorrendo à vaga.

A prova objetiva de múltipla escolha terá 50 questões com caráter eliminatório e classificatório. Serão 25 questões de conhecimentos gerais – língua portuguesa, raciocínio lógico e legislação – e 25 de conhecimentos específicos de acordo com cada área. Será considerado aprovado na objetiva o candidato que alcançar no mínimo metade do total de pontos da prova, sem zerar nenhuma das disciplinas.

Com relação às discursivas, serão corrigidos os textos até a classificação correspondente a 100 vezes o número de vagas por cargo/função/polo. O candidato que não obtiver 60% do total de pontos será eliminado.

O edital prevê funções para quem possui diplomas de ensino médio e médio técnico em Informática, Rede de Computadores, Manutenção e Suporte em Informática, Sistemas de Computação, Telecomunicações ou Sistema de Transmissão. Para ensino superior, em áreas diversas e nas especificas de Direito, Serviço Social, Pedagogia, Psicologia, Contabilidade, Informática e engenharias Física ou Mecânica com pós-graduação na área de Informática.

Em 13 de agosto, o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) completa 195 anos, e a realização de concurso público está dentro das ações programadas para a celebração.

EDITAL DE ABERTURA AQUI

Fonte: PCI, Folha de Pernambuco

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Retificação de Postagem

Retificação de Postagem


Na postagem de título : “Saloá no túnel do tempo – Cemitério de Iatecá, 1962” -, que foi ao ar nesta quarta-feira (12 de julho de 2017), cometemos um equívoco quanto a localidade do referido cemitério. O que parecia ser o cemitério da vila de Iatecá, no ano de 1962 é na um outro cemitério, que pelas semelhanças, muito provavelmente é o cemitério dos “Bizarria”, que fica localizado no município de Bom Conselho, muito próximo da divisa com Saloá.

O equívoco se deu com base em DADOS OFICIAIS do site do IBGE (instituto brasileiro de geografia e estatística), que mostra entre outras, a foto destacada na postagem, como todas sendo de Saloá, na época que fazíamos parte daquele município. Em uma análise mais criteriosa chegamos a conclusão que as fotos apresentadas no Acervo dos Trabalhos Geográficos de Campo, não representam o município de Saloá e que o próprio site OFICIAL cometeu o engano.


Agradecemos aos colegas que nos ajudaram a dirimir todas as dúvidas e nos alertaram sobre o equívoco. Abaixo a imagem da postagem.